Cirurgia das Pálbebras – Devolva a juventude ao seu olhar

A blefaroplastia é a cirurgia das pálpebras que consiste em corrigir o excesso de pele e as bolsas de gordura da pálpebra superior e inferior.

É a cirurgia chamada de rejuvenescimento do olhar porque o aspecto peri-ocular causado pelo passar dos anos dão uma aparência de cansaço que afecta o conjunto facial.

Não há uma idade adequada para este tipo de intervenção, o aparecimento de bolsas debaixo dos olhos podem aparecer em idades jovens, mas são mais frequentes à medida que os tecidos peri-oculares se vão relaxando deixando aparecer a gordura e causando o excesso de pele.

A cirurgia das pálpebras é uma cirurgia rápida, o pós-operatório é rápido e os resultados são duradouros.

Procedimento

A cirurgia das pálpebras superiores consiste em remover a pele em excesso, remover as bolsas de gordura se for o caso, e restaurar a tensão do músculo. Faz-se em seguida uma sutura fina que é removida ao fim de 5 dias
Nas pálpebras inferiores a cirurgia pode realizar-se de 2 maneiras.

Via interna: Nos casos em que não há necessidade de se remover pele, faz-se uma incisão no interior da pálpebra pela qual se remove toda a gordura e não se sutura pois este tecido cicatriza muito bem. Esta técnica não deixa qualquer cicatriz inferior, e é mais comum em pessoas com menos de 45 anos que não necessitam remover pele.

Via externa: faz-se um corte imediatamente junto das pestanas, remove-se as bolsas de gordura, em seguida remove-se o excesso de pele dando tensão e faz-se uma sutura fina que é removida ao fim de 5 dias.

Tanto na pálpebra superior como na inferior a pele fica protegida com uma fina tira de adesivo(steri-strep),e os olhos não ficam fechados.

Pré-Operatório

Como em qualquer procedimento cirúrgico é obrigatório durante a primeira consulta avaliar o paciente, neste caso a visão, o uso de óculos ou lentes, a produção de lágrimas, as possíveis alergias oculares, não é necessário uma consulta no oftalmologista no entanto o mais usual é haver uma interligação com ele. Depois disto é necessário exames médicos para despiste de qualquer anomalia que obrigue a adiar a cirurgia.

Duração da cirurgia

A cirurgia demora entre 1 -2h dependendo se for só pálpebras superiores ou as 4 pálpebras.

Tipo de anestesia

A cirurgia pode ser feita com anestesia geral ou local, atualmente vulgarizou-se e fazem-se quase todas com anestesia local e são muito bem toleradas

Necessidade de internamento

A blefaroplastia é sempre realizada em ambulatório.

Pós-operatório

Logo que termina a cirurgia o paciente tem de ficar pelo menos 1 h em repouso e a fazer compressas geladas localmente.

No período pós-operatório irá fazer oralmente uma leve analgesia, umas gotas oculares com antibiótico várias vezes durante o dia e uma pomada antibiótica ao deitar.

É conveniente que mantenha a cabeça elevada e aplique compressas frias molhadas em água fervida gelada 6-8 vezes durante o dia o que ajudará a descongestionar as pálpebras bem como a limpar as secreções.

5 dias depois retira os pontos e irá colocar creme cicatrizante por cima da ferida operatória, nesta altura poderá começar a usar maquilhagem para dissimular hematomas da pálpebra inferior e só 10 dias depois da cirurgia desaparecerá a coloração escura.

Poderá retomar o trabalho entre o 3 e 5 dia pós-operatório.

Desde o primeiro dia até aos 2 meses deverá usar óculos de sol grandes que resguardem lateralmente.

Perguntas frequentes

Que medicamentos deve-se evitar tomar antes e depois da cirurgia?

O cirurgião irá dar indicações com antecedência suficiente para suspender anticoagulantes, aspirina, vit E ou qualquer outro medicamento que interfira com a cirurgia.

A forma dos olhos muda?

O mais frequente é que o paciente perceba a vivacidade e expressividade renovada imediatamente após a cirurgia recuperando o olhar de outros tempos.

Quanto tempo demora a recuperação?

Normalmente demora uma semana, em pessoas com tendência hemorrágica maior podem ficar com equimoses peri-oculares durante 10 dias mas que são completamente disfarçadas com maquilhagem.

A cirurgia de Blefaroplastia vai deixar cicatrizes?

As cicatrizes são o resultado inevitável de qualquer cirurgia. O seu cirurgião fará todos os esforços para que a cicatriz final seja o menos visível possível. Assim as cicatrizes são colocadas nas linhas cutâneas naturais e vão tornando-se menos perceptíveis com o passar do tempo. Na pálpebra superior fica escondida na prega da pálpebra e na inferior a cicatriz é por dentro da conjuntiva ocular.

Antes e depois










Marque já a sua consulta