Existem deformidades congénitas ou adquiridas nos genitais femininos que podem complexar ou mesmo incomodar as mulheres na sua vida normal ou sexual.

Entende-se por cirurgia intima ou cirurgia vaginal o conjunto de cirurgias plásticas ou estéticas que se realizam na zona genital da mulher, e que são tratadas cirurgicamente com um tempo de intervenção curto 1h e com uma recuperação rápida.

Procedimento

Plastia dos pequenos lábios

A cirurgia mais frequente dentro da cirurgia intima feminina é a redução dos pequenos lábios também chamados ninfas e daí o termo por que também é conhecida ninfoplastia.

Quando os pequenos lábios estão aumentados e ultrapassam os grandes lábios dão desconforto durante o ato sexual ou mesmo ao vestir certas roupas ou a praticar exercício físico.

O cirurgião tem de fazer um exame detalhado e verificar a existência de assimetrias para que o resultado seja satisfatório.

É uma intervenção que deve ser feita com uma sedação ou com anestesia geral pelo facto da região ser muito sensível, é rápida (aproximadamente 1 hora) e não causa grande desconforto.

Em muitos casos esta alteração está associada a uma diminuição dos grandes lábios que podem ser aumentados com gordura do próprio paciente no mesmo ato operatório.

Plastia dos grandes lábios

Quando os grandes lábios são de um tamanho exagerado podem causar um efeito estético indesejado para além de causarem mal estar.

Podem ser diminuídos da mesma forma e com o mesmo tipo de anestesia, até conseguirmos um tamanho desejado e proporcional.

Pelo contrário quando são pouco desenvolvidos podem ser sempre aumentados com gordura do próprio paciente.

Redução do monte de vénus

Em certos casos a região púbica está aumentada e não diminuiu com a perda de peso. Estes casos podem ser resolvidos com lipoaspiração sob anestesia local, seguida de compressão elástica com cinta.

Rejuvenescimento vaginal

O canal vaginal em consequência dos partos múltiplos e com o tempo perde tónus e apresenta laxitude. Esta alteração pode ser corrigida com uma intervenção cirúrgica para repôr os músculos do canal vaginal estreitando-o.

Pré-Operatório

É imprescindível um estudo pré-operatório que não contraindique a cirurgia.

Pós-Operatório

Como as cirurgias mais procuradas são a redução dos pequenos lábios e a labioplastia de aumento as recomendações são simples, repouso e desinfeção local nas primeiras 48h, os pontos são reabsorvíveis, as roupas não devem ser justas e devem abster-se de relações sexuais durante 1 mês.

Estas cirurgias corrigem as alterações estéticas e funcionais preservando a sensibilidade local. Produzem uma melhoria tanto física como anímica pois a paciente recupera a confiança em si mesmo e a auto-estima.

Perguntas frequentes

O que Cirurgia íntima Feminina melhora a nível sexual?

A cirurgia íntima feminina devolve o prazer sexual cem por cento.

O que melhora na vida da mulher após esta cirurgia?

A paciente tem uma melhoria física e psicológica, já que recupera a confiança em si mesma e aumenta a sua autoestima. A alteração estética ou funcional é corrigida, preservando a sensibilidade cem por cento. A área vaginal ganha tónus e o desconforto que poderia existir durante a atividade sexual desaparece.

Posso fazer a Cirurgia Íntima com pós-parto?

Sim. Geralmente quem procura esta cirurgia já teve um ou mais partos.

Antes e depois




Pedido de informações