Levantamento das Mamas

A forma do peito é um dos elementos mais importantes da beleza feminina, daí que a deformação com queda ou ptose, causada pela distensão da pele durante a gravidez ou pelo peso e ação da própria gravidade pode ter repercussões psicológicas que não devem ser subestimadas.

As mamas são órgãos formados por tecido glandular, gordura e pele, não têm suporte ósseo ou muscular, portanto a sua única fixação é feita pelas pele que as envolve. Isto faz com que a pele por si só não consiga manter os seios erguidos, especialmente se forem volumosos ou pesados.

Procedimento

A correção da queda mamária consiste em elevar a aréola e o mamilo dando forma e turgescência ao seio. Nesta intervenção, se o volume mamário não for excessivo não é necessário elimina-lo, apenas a pele em excesso, o resultado é um peito firme e com boa forma.

A cirurgia realiza-se com anestesia geral, em ambulatório, demora 2-3h, é colocado um sutiã compressivo imediatamente a seguir que permanecerá durante 1 mês, e passado 2 dias será iniciada a drenagem linfática.

Com a finalidade de manter durante mais anos o volume mamário na parte superior do seio, durante a cirurgia de elevação da mama é colocada uma prótese de pequenas dimensões para sustentar a mama e contrariar a gravidade.

Pré-Operatório

Todos os exames prévios são imprescindíveis, bem como a abstenção tabágica 2 semanas antes e depois da cirurgia, pelo facto de poder afectar a cicatrização.

O cirurgião e o anestesista deverão ser informados de toda a medicação bem como de patologias existentes que possam contraindicar a cirurgia.

Pós-Operatório

Em geral estas operações têm um post-operatório muito bem tolerado e todos os incómodos são facilmente ultrapassados com analgésicos correntes.

As pacientes saem da clínica com sutiã e podem a partir do dia seguinte fazer a vida normal excepto movimentos que repercutam diretamente no peito.

Este tipo de sutiã torna-se muito cómodo pois oferece um suporte que alivia a tensão mamária que deverá ser combatida com drenagem linfática iniciada 2 dias após cirurgia.

Perguntas frequentes

Que riscos estão associados a esta cirurgia?

Como em qualquer intervenção cirúrgica os riscos são hemorragia, infeção, complicações relativas á anestesia.

Em relação á própria cirurgia embora os riscos desta intervenção sejam baixos os principais são:

  • diminuição da sensibilidade do mamilo que na maior parte das vezes é temporária mas pode ser permanente;
  • a cicatriz, caso fique muito notória, pode vir a precisar de pequenas correções;
  • diferenças de tamanho ou forma podem requerer retoques, embora seja muito raro.

Que medicamentos devem ser evitados antes da cirurgia?

Anticoagulantes como a aspirina devem ser evitados bem como certos medicamentos naturais ou de outras medicinas alternativas, o cirurgião informará com a devida antecedência o que deve evitar.

Como se deve dormir e que movimentos a evitar?

Deve-se dormir sempre com o sutiã durante o primeiro mês e evitar-se dormir de barriga para baixo até as cicatrizes estarem totalmente completamente curadas.
Devem ser evitados esforços de braços como pentear, pegar pesos, carregar malas ou pegar em crianças até estar tudo totalmente cicatrizado embora poça ter toda a mobilidade normal a partir do dia seguinte.

Há algum tratamento cosmético que ajude a suavizar as cicatrizes?

Sim e são essenciais.
O cuidado com a pele antes e depois da cirurgia influenciam profundamente o aspecto final das cicatrizes.
Hoje existe um autêntico arsenal a disposição do cirurgião para ajudar a que a cicatrização seja rápida e as marcas mínimas.
Mesmo que o resultado final vá depender da qualidade da coloração e da idade de cada pele o primeiro tratamento que procuramos é a compressão contínua das cicatrizes seja qual for o sistema utilizado. Hoje com os avanços tecnológicos temos lâminas de silicone e de outros materiais para quem for alérgica ao silicone.
Depois temos a cosmética com os azeites essenciais como o rosa mosqueta e outros para massajar a cicatriz e cremes cicatrizantes reparadores de variadíssimas marcas. Para clarear a cicatriz ainda temos luz laser, portanto na grande maioria dos casos compressão, cosmética e laser são uma boa combinação para suavizar cicatrizes.

Quando se poderá retomar a vida sociolaboral?

Depende do tipo de trabalho que realize, se for de secretaria, pode começar ao 2º dia, se for esforços que exijam grandes movimentos é conveniente esperar 7-10 dias.
Exercício físico ao fim de 1 mês.

Quando fazer fazer nova mamografia?

Por questões de controlo recomendamos uma ao fim de 6 meses, a partir dessa altura deve seguir a frequência habitual exigida pelo ginecologista.

Antes e depois




Pedido de informações